Página Inicial Notícia

SAÚDE 09/05/2022 Todos contra a dengue: Prefeitura de Franco da Rocha orienta a população a manter as medidas de combate ao mosquito Aedes aegypti

Todos contra a dengue: Prefeitura de Franco da Rocha orienta a população a manter as medidas de combate ao mosquito Aedes aegypti

A Prefeitura de Franco da Rocha orienta a população a manter as medidas de combate ao mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue.

A única forma de prevenção da doença é a eliminação do mosquito, acabando com seus possíveis criadouros. Para isso, deve-se evitar deixar água parada, como em vasos de plantas, pneus, garrafas plásticas, piscinas sem uso e sem manutenção, calhas, caixas d’água e até mesmo em recipientes pequenos, como tampas de garrafa.

Para mobilizar e orientar a população, a Prefeitura realiza de maneira permanente ações educativas e de prevenção à dengue. Agentes de combate à endemias (AGE) e agentes comunitários de saúde (ACS) percorrem bairros da cidade visitando residências, comércios, canteiros de obras, escolas, dentre outros estabelecimentos públicos e privados, para eliminar os focos de proliferação do mosquito, bloquear possíveis criadouros.

Também é preciso que haja a cooperação da população para que mantenham os ambientes limpos e livres de água. A verificação desses locais deve ser feita toda semana, visto que o ciclo de vida do mosquito, do ovo até se tornar adulto, pode se completar neste período. As denúncias de possíveis focos, devem ser feitas pelos números 4800-1926 ou 4800-1927.

Confira algumas dicas para combater os criadouros do mosquito que podem ser feitas em casa:

Garrafas PET e de vidro devem ser embaladas e descartadas corretamente na lixeira, em local coberto ou viradas para baixo;

Os ralos devem ser vedados com telas, principalmente os que estão fora de uso;

A piscina deve estar sempre limpa com cloro para tratar a água e o filtro periodicamente;

Calhas devem ser limpas e niveladas, mantendo-as sempre sem folhas e materiais que possam impedir a passagem da água;

Baldes e vasos de plantas devem estar vazios, limpos e guardados em local coberto, com a boca virada para baixo;

Plantas que acumulam água devem ser evitadas ou é necessário que a água seja retirada semanalmente das folhas;

Caixas de água, cisternas e poços devem estar fechados e vedados;

Potes com água para animais devem ser muito bem lavados com água corrente e sabão, no mínimo duas vezes por semana.

Pratinhos de vasos de plantas devem ser limpos e receber areia até a borda para não acumular água;

Entulho e lixo devem ser descartados corretamente. Pneus devem permanecer em local coberto ou com furos para não acumular água.


Texto: Luana Nascimento - Arte: Dalmir Junior