Página Inicial Notícia

CULTURA 11/08/2022 Circuito Sesc de Artes traz diversas atrações gratuitas para Franco da Rocha

Circuito Sesc de Artes traz diversas atrações gratuitas para Franco da Rocha

Nesta sexta-feira, 12 de agosto a partir das 15h, acontece o Circuito Sesc de Artes, promovido pelo Sesc São Paulo em parceria com prefeituras e sindicatos do comércio, serviços e turismo. O circuito vai reunir cerca de dez atrações artísticas na Praça Caieiras até a Casa de Cultura Marielle Franco, ao lado da estação da Linha 7 - Rubi da CPTM.

A programação com apresentações de teatro, dança e circo, shows musicais, oficinas, intervenções, vivências, ações literárias, cinematográficas, de artes visuais e tecnologias.

O Circuito Sesc de Artes chega aos municípios que fazem parte da área de atuação de unidades do Sesc com ações artísticas que buscam provocar novas percepções, reflexões e vivências. Com o intuito de fomentar, fortalecer e ampliar o espaço de diálogo e convivência, o respeito e a transformação social, a edição 2022 do Circuito Sesc de Artes intensifica o olhar para toda a diversidade de pessoas.

Durante o evento os artistas realizam os espetáculos, shows e oficinas nas praças e parques com o objetivo de estimular o uso dos espaços públicos como lugares fundamentais para o convívio social e a troca de experiências e aprendizados, favorecendo os encontros e os afetos em uma perspectiva do desenvolvimento humano por meio da arte e da cultura.

Confira as atrações:

- Jogos Fantásticos Nunca Inventados
Com Alberto Tembo, Patrícia Marchesoni, Bruno Morais e Tabatha Vecchio (sp)
A atividade traz dois jogos inéditos, a incrível "Esgramba", que mistura esgrima com samba, e o irreverente jogo de bola "Os Nada Bobinhos", em que os participantes poderão aplicar suas estratégias de influência em uma batalha pelo poder. Nas duas modalidades lúdicas estético-esportivas, o público é convidado a jogar com os artistas em plena praça pública, misturando jogo, arte e humor.

- H2oBoom
Com Mauro Cosenza (uru)
O artista uruguaio dá vida ao excêntrico palhaço El Gran Enano, que utiliza habilidades e alguns delírios para realizar estouros com balões, bolas de ping-pong, engenhocas, água e muitas explosões, rompendo, assim, a barreira entre o personagem e a plateia, gerando um jogo interativo e divertido.

- Jamzz
Com Cristian Duarte em companhia (sp)
Inspirado pelo jazz dance, o grupo propõe uma improvisação em diagonal. O público é convidado a dançar ao som de hits dos anos 1980 e 1990 tocados por um DJ. Os performers, dirigidos pelo coreógrafo e dançarino Cristian Duarte, criam uma atmosfera vintage por meio de figurinos, acessórios, sons e movimentos.

- Mensagens de mulheres sábias
Com As Rutes (sp)
Intervenção literária para compartilhar depoimentos, narrativas ancestrais e reflexões sobre ser mulher no mundo hoje. O coletivo investiga como a trajetória e a obra de escritoras admiradas auxiliam no equilíbrio e na equidade da vida em múltiplos aspectos.

- Roda de samba da Palhaça Rubra
Com Palhaça Rubra (sp)
Cheio de palhaçaria, o espetáculo musical presta homenagem a nomes fundamentais do samba, como Cartola, Noel Rosa, Clara Nunes, Beth Carvalho, Aracy de Almeida e Dona Ivone Lara. O show também faz um tributo ao cantor e compositor paulista Adoniran Barbosa, chamado carinhosamente pela palhaça Rubra de vovô.

- Azar do Valdemar
Com Cia dos Inventivos (sp)
Uma trupe de artistas mambembes narra o desaparecimento de Valdemar e, com o público, tenta recriar a sua trajetória. O espetáculo, livremente inspirado na obra “Viva o Povo Brasileiro”, de João Ubaldo Ribeiro, reúne dramaticidade, música e arte circense. Esta atividade não será apresentada em Carapicuíba.

- Contos Fantásticos
Com Cia dos Inventivos (sp)
O espetáculo propõe um mergulho no universo da fantasia por meio dos contos “O Papagaio Real”, de Câmara Cascudo, e “A Princesa que Foi Educada como um Homem”, do épico indiano Mahabharata, que convidam o espectador a conhecer realidades incomuns. Esta atividade ocorre apenas na cidade de Carapicuíba.

- A Cabaça Mágica: Histórias Pretas na Literatura Infantojuvenil
Com Agbalá Conta (sp)
Agbalá Conta abre sua cabaça e revela livros da literatura infantojuvenil preta com obras que trazem histórias tradicionais africanas e afro-brasileiras.