Página Inicial Notícia

SEGURANÇA PÚBLICA 19/04/2022 Guarda Civil Municipal realiza ação “Fora Bullying! Por uma cultura de paz” para alunos do ensino fundamental

Guarda Civil Municipal realiza ação “Fora Bullying! Por uma cultura de paz” para alunos do ensino fundamental

Na tarde da última quarta-feira (13), as crianças do 1º aos 3º anos de ensino fundamental da Emeb Cevero de Oliveira Moraes, no Parque Santa Delfa, receberam a equipe da Guarda Civil Municipal (GCM) de Franco da Rocha para aprenderem com as autoridades sobre o combate ao bullying e como se defender dessa ação. O programa é denominado “Fora Bullying, por uma cultura de paz”.

A equipe do canil da GCM levou até a escola os cães farejadores para fazerem demonstrações sobre o papel dos animais em uma operação. Desta forma, foram escolhidas pelo subcomandante Costa, as atividades de faro, que mostram o poder do animal para encontrar entorpecentes, e a ação de ataque do cão a um fugitivo. As crianças ficaram impressionadas com as habilidades e disciplina dos cães.

Após a demonstração, os pequenos demonstraram todo seu carinho ao se despedirem dos animais. “Eles são muito companheiros e espertos”, disse o subcomandante.

Para conversar com as crianças sobre bullying, a inspetora da Guarda Municipal, Conceição Gomes, levou seu companheiro de contação de histórias, o fantoche “Juquinha”, que explicou sobre a prática de violência de forma simples para que todas as crianças pudessem entender e refletir se já sofreram ou o praticaram o bullying.


A diretora da escola, Carine Evangelista, também participou da atividade demonstrando o bullying no ambiente escolar, onde ela fez o papel de uma aluna excluída pelos amigos. Conceição terminou a demonstração deixando uma mensagem sobre o combate ao racismo no ambiente escolar. “Não importa como o colega é, não importa a cor de sua pele, somos todos iguais", exclamou a inspetora.


Para agradecer a presença da guarda, as crianças fizeram vários desenhos com mensagens de gratidão. O auno Leonardo, de apenas sete anos, conseguiu escrever pela primeira vez em sua carta de agradecimento.

Texto e foto: Khananda Beatriz